Decorar uma casa com cães ou gatos pode ser mais simples do que parece.

Imagine a cena: gatinhos arranhando e arruinando belos sofás, cãezinhos fofinhos destruindo almofadas… Imaginou?

É um amante de animais e já viveu essa situação? Planeja ter o primeiro pet, mas teme o que ele pode fazer com sua linda casa?

Crédito de imagem: Pinterest

 

Calma. Esse problema tem solução.

Dá para manter a sua casa linda e ainda deixá-la apta para o conforto do seu querido pet.

Continue lendo este artigo e confira 5 dicas essenciais para decorar uma casa com cachorro ou gato.

  1. Proteja seu sofá do xixi de gato e cachorro com impermeabilização e outras dicas de decoração simples

É fácil encontrar na internet dicas de como educar seu cachorro ou gato para fazer xixi no lugar indicado por você.

A castração no tempo correto também pode evitar a marcação de território pela casa.

Mas enquanto eles são filhotes, esse processo pode demorar.

E se você não castrar ou castrou seu pet na época certa, essa atitude pode persistir mesmo após o procedimento cirúrgico.

Uma forma de proteger o seu estofado, é impermeabilizar o seu móvel. O processo custa por volta de R$ 200 (variando em cada estado do Brasil).

Ou você pode optar também por comprar o impermeabilizador e aplicar o produto por conta própria. Já existe no mercado essa opção, e o preço pode variar de acordo com a quantidade de produto.

Agora, se você precisa de um novo sofá, que tal matar esse problema de uma vez? É possível comprar um que já venha em material impermeável. São os chamados “acqua block”.

Outra dica simples para proteger seu sofá é sempre deixar um pano grosso estendido em parte do móvel. Procure um tecido que combine com seu sofá J

Cachorros e gatos gostam de se deitar em superfícies “diferenciadas”. Portanto o paninho será um lugar em que ele certamente vai preferir estar.

Para completar, borrife regularmente em todo o móvel spray eliminador de odores. O produto faz com que o animal perca a referência de cheiro no local e, assim, pare de urinar ali.

Ah! Pesquise um spray que prometa não manchar seu sofá. Aqui (link) temos um artigo que pode te ajudar na escolha ao analisar alguns eliminadores de odores do mercado ;)

  1. Menos é mais: escolha uma decoração minimalista para a sua casa

Minimalismo está em alta! E você pode usar essa moda a seu favor.

O uso do minimalismo tem tudo a ver com a proposta deste artigo. Uma das principais características da tendência é a praticidade no espaço doméstico.

Não decore sua casa com grandes estantes, enchendo-as de “bugigangas”.

Sabe aquele souvenir da praia? Esqueça-o.

Quanto mais bibelôs, mais objetos para seu animalzinho quebrar (e até se machucar!).

Opte por ítens de decoração que fiquem na parede, em parte alta. Ou objetos que sejam pesados e grandes. Foque mais na qualidade do que na quantidade.

  1. Diga adeus aos tapetes caros

Sim, é possível adestrar o seu cachorro ou gatinho para que ele não faça xixi pela casa toda.

Mas nem sempre isso ocorre da maneira e no tempo que a gente quer.

A aprendizagem pode demorar um pouco e seu lindo tapete felpudo pode não resistir até lá.

Além disso, sabemos que alguns bichinhos são mais “difíceis” que outros.

Outra mania que pode acabar com seu tapete é o hábito de “cavar” dos cães. Você já notou seu cãozinho arranhando a caminha dele freneticamente antes de se deitar nela?

Ele também irá fazer isso com seu tapete, acredite!

Então não conte com a sorte.

O ideal é que você nem tenha tapete. Mas caso insista em ter um, não invista muito nele.

Procure um mais barato, pois esse é o primeiro ítem de decoração que sofre com a presença de um pet: arranhaduras, xixi, cocô e pelos não perdoam.

Outra dica é escolher um de trama mais fechada e cor bege. Uma cor escura pode tornar mais evidente os pelos deixados pelo bichinho.

 

  1. Para quem tem gato: compre um arranhador de corda

Ta aí um ítem que você não vai se arrepender de comprar!

Quem tem gato sabe que durante toda a vida do animal eles tem o costume de arranhar tudo o que veem pela frente.

É uma maneira do bichano “afiar” as suas garras e cortinas, sofás e outros móveis de madeira são os mais visados.

Que tal se adiantar e reservar um local próprio para o seu gatinho afiar as unhas?

Hoje em dia existem muitas opções de arranhadores que servem também como “playground” para o seu gatinho.

Alguns são verdadeiras obras de arte. Se você estiver disposto a investir, dá para comprar um bem bonito e que chamará a atenção das visitas.

Você também pode optar por um que combine com sua casa e com seus móveis.

  1. Pendure as plantas no teto ou na parede

Outra tendência de decoração que chegou para ajudar os amantes de animais: plantas na parede ou no teto.

Mas por que aderir a essa moda de decoração?

Vasos no chão podem ser um alvo fácil para cachorros e gatos.

Os pets podem derrubá-lo e espalhar terra por toda a casa.

Se o vaso é grande e pesado, existe outro problema: gatos pulam alto, logo eles podem subir no vaso e usarem o item de decoração para defecar ou urinar.

Outro perigo é os pets começarem a marcar território no objeto.

Se você ama plantas tanto quanto animais, a solução é pendurar vasos de médio e pequeno porte no teto ou na parede… sempre em lugares altos e inalcançáveis aos bichos.

Sua casa ficará linda, na moda e livre de acidentes e mau cheiros.

Por fim, opte por móveis resistentes e não acumule ítens desnessários pela casa.

Verifique também se existe um cantinho exclusivo e confortável para o seu animalzinho.

Gostou do artigo? Se sim, comenta aqui no blog e compartilha com os seus amigos na redes sociais ;)

Se você tem outras dicas, comenta e deixe sua contribuição para os outros leitores :)

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Carrinho

Tecnologia por NB8.digital Creative Ecommerce - WooCommerce